Realizou-se a 2.ª Reunião de Trabalho da Comissão de Orientação do 11.º Fórum Internacional sobre o Investimento e Construção de Infra-estruturas (IIICF).

O Vice-Ministro do Comércio, Dr. Wang Bingnan, propôs três sugestões no seu discurso: primeiro, envidar todos os esforços para apoiar a construção conjunta da plataforma funcional da “Uma Faixa, Uma Rota”. Sob o esforço comum, a influência do Fórum tem aumentado gradualmente. Neste contexto, cabe à Comissão continuar a oferecer apoios políticos e a garantia de serviços para a realização do Fórum, no sentido de fazer deste uma importante plataforma nacional para a promoção da construção da iniciativa “Uma Faixa, Uma Rota” e para o desenrolar da cooperação internacional em infra-estruturas. Segundo, promover em conjunto o desenvolvimento sustentável e diversificado da economia de Macau, através de exposições. Macau deve aproveitar o Fórum para estabelecer a imagem de cidade ideal para a realização de exposições e convenções internacionais, ajudando as suas empresas a agarrar mais oportunidades na construção da iniciativa “Uma Faixa, Uma Rota” e trazendo mais dinamismo para o desenvolvimento diversificado e moderado da economia de Macau. Terceiro, aproveitar bem o mecanismo de reunião por parte dos membros da Comissão para construir um canal de comunicação eficaz e propício a um planeamento adequado do desenvolvimento do Fórum a longo prazo, que permita que este sirva bem a estratégia nacional de desenvolvimento, e contribuindo da melhor forma para a integração de Macau na iniciativa “Uma Faixa, Uma Rota” e para o desenvolvimento diversificado e moderado da economia.

O Secretário para a Economia e Finanças, Dr. Lei Wai Nong, elogiou, no seu discurso, a relevância do papel de plataforma que Macau, enquanto uma cidade de ligação importante na Rota da Seda Marítima do Século XXI, desempenha na conjuntura do desenvolvimento e abertura do país, sobretudo durante o processo de cooperação e intercâmbio entre a China e os Países de Língua Portuguesa. De facto, com o seu posicionamento estratégico de “Um Centro, Uma Plataforma, Uma Base”, atribuído pelo país, a RAEM é capaz de consolidar uma base sólida no que toca à maximização do seu papel de plataforma de intersecção no duplo ciclo económico interno e externo do país, por meio da realização do IIICF e de outras actividades de exposições e convenções, assim como no que toca à sua participação de alta qualidade, a nível elevado e com padrões rigorosos na construção da iniciativa nacional “Uma Faixa, Uma Rota”. No futuro, concentrando-se firmemente no seu posicionamento de desenvolvimento supracitado e através das grandes oportunidades inerentes ao enquadramento de desenvolvimento da economia nacional de duplo ciclo, a região de Macau irá esforçar-se, com empenho particular, por atender às necessidades do país e, simultaneamente, por potencializar as suas próprias vantagens. Assim, promoverá, de forma contínua, a construção de vários projectos de infra-estruturas na região, para além de acelerar a construção da Grande Baía Guangdong–Hong Kong–Macau e da iniciativa “Uma Faixa, Uma Rota”, abrangendo a cooperação conjunta em infra-estruturas, capacidade produtiva, serviços de apoio financeiros, entre outros aspectos. Aliás, a RAEM dedicar-se-á, como sempre, à solidificação da indústria de convenções e exposições, bem como ao aperfeiçoamento dos serviços de bolsas de contactos, no sentido de, sob esta nova era, nos encarregarmos duma missão mais importante no contexto da iniciativa “Uma Faixa, Uma Rota”, em prol de um maior contributo à abertura e ao grande ciclo da economia nacional na nova conjuntura.

O Presidente da Associação dos Construtores Civis Internacionais da China, Dr. Fang Qiuchen, afirmou, no seu discurso, que, perante o ambiente complicado deste ano, a Comissão convocou a reunião de trabalho com os membros em Pequim, para estudar os trabalhos preparatórios do Fórum, assim como prestar orientação e assistência na resolução das dificuldades e dos problemas enfrentados pelo evento, desempenhando um papel crucial na boa convocação do IIICF deste ano


Realizou-se, em Macau, a 2.ª Reunião de Trabalho da Comissão de Orientação do IIICF

Realizou-se, em Macau, a 2.ª Reunião de Trabalho da Comissão de Orientação do IIICF


O Vice-Ministro do Comércio, Dr. Wang Bingnan, proferiu um discurso na reunião.

O Vice-Ministro do Comércio, Dr. Wang Bingnan, proferiu um discurso na reunião.


O Secretário para a Economia e Finanças, Dr. Lei Wai Nong, proferiu um discurso na reunião.

O Secretário para a Economia e Finanças, Dr. Lei Wai Nong, proferiu um discurso na reunião.


O Presidente da Associação dos Construtores Civis Internacionais da China, Dr. Fang Qiuchen, proferiu um discurso na reunião.

O Presidente da Associação dos Construtores Civis Internacionais da China, Dr. Fang Qiuchen, proferiu um discurso na reunião.


O Presidente do IPIM, Dr. Lau Wai Meng, proferiu um discurso na reunião.

O Presidente do IPIM, Dr. Lau Wai Meng, proferiu um discurso na reunião.