Entre os dias 7 e 10 de Maio, decorreu na Cidade de Haikou da Província de Hainão, a 1.ª Edição da Exposição Internacional de Produtos de Consumo da China (doravante designada por Exposição), organizada pelo Ministério do Comércio da China e pelo Governo Popular da Província de Hainão. De forma a aprender com a experiência da Província de Hainão no que toca à organização de convenções e exposições e a promover o intercâmbio e a ligação entre as associações económicas e comerciais de Macau e os comerciantes e participantes na presente Exposição, o Instituto de Promoção do Comércio e do Investimento de Macau (IPIM) organizou uma delegação de 35 pessoas dos sectores comercial e de convenções e exposições para visitar Haikou, de 6 a 8 de Maio. O IPIM estabeleceu no recinto o Pavilhão de Macau para promover junto dos comerciantes e participantes o ambiente de negócios e as vantagens do sector de convenções e exposições de Macau. No dia 7 de Maio, organizou uma sessão de intercâmbio e cooperação entre Hainão e Macau na área de convenções e exposições, onde representantes do sector de ambas as partes partilharam as suas experiências na organização de convenções e exposições, bem como trocaram opiniões sobre a promoção contínua do desenvolvimento qualitativo do sector.

Hainão e Macau exploram o modelo de cooperação “uma viagem, multidestinos”

Durante a visita em Hainão, a delegação foi recebida pelo Vice-Governador do Governo Popular da Província de Hainão, Shen Danyang. Este referiu que Hainão e Macau estão geograficamente próximos, com uma passagem aérea inferior a uma hora, por outro lado, o posicionamento das duas cidades é semelhante, pelo que pode ser desenvolvido o modelo de cooperação “uma viagem, multidestino”, ambas as partes podem organizar alternadamente eventos de convenções e exposições, explorando o intercâmbio multilateral. Durante o encontro, o Presidente do IPIM, Lau Wai Meng, apresentou o desenvolvimento de Macau nos últimos anos e reconheceu a possibilidade do modelo de cooperação “uma viagem, multidestino”. Os representantes do sector presentes no encontro também consideraram que este modelo poderá trazer mais espaço de cooperação para o sector na actual conjuntura epidémica.

O Pavilhão de Macau, instalado pelo IPIM na Exposição, contou com uma área de 54 metros quadrados, destinados a promover o ambiente de negócios de Macau, as suas vantagens para o sector de convenções e exposições, promover Macau como Plataforma de Serviços para a Cooperação Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa, divulgar os serviços do IPIM, entre outros. De forma a aproveitar as capacidades de Macau como plataforma de cooperação entre a China e os Países de Língua Portuguesa, foi adicionado ao Pavilhão de Macau o Centro de Exposição dos Produtos Alimentares dos Países de Língua Portuguesa, onde estiveram em exibição mais de 50 produtos alimentares dos países de língua portuguesa, representados por 13 empresas e instituições desses países. Os comerciantes e participantes no local tiveram à disposição códigos QR para obterem mais informações sobre os produtos. O Pavilhão de Macau também proporcionou serviços de consultoria, por vídeo e em tempo real, sobre o ambiente de negócios de Macau, e funcionários do IPIM no local a prestar esclarecimentos. No primeiro dia, realizaram-se 60 sessões de bolsas de contacto.

Bolsas de contactos permitem empresas encontrarem oportunidades de cooperação

O IPIM organizou, no dia 7 de Maio, uma sessão de intercâmbio e cooperação entre Hainão e Macau na área de convenções e exposições, com o objectivo de fortalecer o intercâmbio entre as duas partes. Os representantes dos dois lados apresentaram respectivamente a evolução do sector na sua cidade, partilharam experiências na organização de eventos no enquadramento de normalização da prevenção epidémica, permitindo ambas as partes aprenderem um com o outro. No final da sessão, contou-se com uma actividade de troca de impressões. Durante a sessão, a delegação realizou mais de 40 bolsas de contacto. Por fim, a delegação visitou a Praça Riyue de Haikou para conhecer a experiência de Hainão na atracção de investimentos e de negócios. No dia 8 de Maio, a delegação visitou a Exposição de Iates, realizada no âmbito da 1.ª Edição da Exposição Internacional de Produtos de Consumo da China.

O Sr. Poon, um dos membros da delegação, referiu que esta foi uma viagem frutífera, pois quer o design dos stands de exposição, quer a organização de pavilhões da presente Exposição revelam dimensões e padrões elevados, sendo dignos de visita por parte dos profissionais do sector. Por outro lado, Macau deve tomar como referência a disposição das instalações complementares, de transportes, de alojamentos, entre outros. Acrescentou ainda que estabeleceu contactos com empresas locais da área durante o evento, esperando ajudar a alargar o círculo de oportunidades de intercâmbio e cooperação. Representantes de empresas de Hainão, que participaram nas bolsas de contacto, demonstraram que o evento foi benéfico para o sector de convenções e exposições de ambas as partes comunicarem, a fim de melhor enfrentar as dificuldades encontradas no contexto da epidemia e de encontrar soluções para as ultrapassar.


IPIM organiza delegação composta pelos sectores comercial e de convenções e exposições para participar na 1.ª Edição da Exposição Internacional de Produtos de Consumo da China

IPIM organiza delegação composta pelos sectores comercial e de convenções e exposições para participar na 1.ª Edição da Exposição Internacional de Produtos de Consumo da China


Serviços de consultoria, por vídeo e em tempo real, sobre o ambiente de negócios de Macau no Pavilhão de Macau.

Serviços de consultoria, por vídeo e em tempo real, sobre o ambiente de negócios de Macau no Pavilhão de Macau.


IPIM organizou várias bolsas de contactos para ajudar a expandir a cooperação económica e comercial e o intercâmbio entre Hainão e Macau

IPIM organizou várias bolsas de contactos para ajudar a expandir a cooperação económica e comercial e o intercâmbio entre Hainão e Macau


Visita da delegação à Praça Riyue de Haikou

Visita da delegação à Praça Riyue de Haikou