Bandeira Nacional

Mapa

5

Breve Apresentação

Moçambique localiza-se no sudeste da África, sendo um importante foz e corredor regional de transporte. Possui uma área territorial cerca de 800 mil km² e, em 2018, uma população de cerca de 28,86 milhões de habitantes. A capital é  Maputo e é o centro político, económico, cultural e de transportes do país, sendo também, o porto mais ocupado da África.

Ambiente de Investimento

Moçambique encontra-se socialmente estável a longo prazo, tem um crescimento económico acelerado e vantagens geográficas destacadas. O país é rico em recursos minerais e naturais como carvão, gás natural, florestas, recursos hídricos, agricultura e pesca. Nos últimos anos, o governo local tem aumentado os investimentos nas infra-estruturas e envidado esforços para desenvolver o sector de turismo, expandir activamente a cooperação e investimentos exteriores, aperfeiçoar os diplomas legais e políticas relativos aos investimentos estrangeiros, de modo a melhor o ambiente de negócios.

O Doing Business Report 2020, publicado pelo Banco Mundial, aponta para um aumento da classificação de Moçambique, nos aspectos da abertura de empresas, da obtenção de alvarás de construção, da obtenção de electricidade e do registo de propriedades.

Moçambique é um país predominado pela agricultura, com cerca de 70% da sua população dedicada à produção e processamento de culturas, como milho, arroz, soja e mandioca.  A indústria do processamento é dominante visto que os recursos minerais são ricos, tem atraído várias empresas internacionais dedicadas aos recursos minerais para realizar investimentos e proceder à exploração. 

Situação Geral do Comércio

Os principais destinos de exportação de Moçambique são a África do Sul, a Índia, a China e a Itália, sendo os principais produtos exportados os produtos de alumínio, os recursos energéticos, os produtos minerais e o tabaco. As principais origens de importação de Moçambique são a África do Sul, a China, os Emirados Árabes Unidos e Singapura, sendo os principais produtos importados o crude, os recursos energéticos, alimentos, equipamentos electromecânicos, automóveis e electrodomésticos.

Os principais produtos que a China exporta para Moçambique incluem os motores, os combustíveis minerais, os equipamentos mecânicos e as peças para automóveis, enquanto os principais produtos que a China importa da Moçambique são a madeira, o minério, a ração e o peixe.

Indicadores Económicos

2017(a)

2018(a)

2019(b)

2020(c)

Área terrestre (km²)

799.380

799.380

799.380

799.380

População (milhões)

28,6

29,5(b)

30,4

31,3

PIB (milhões de USD)

13,2

14,7

15,5

17,5

Crescimento efectivo do PIB (%)

3,7%

3,4%

1,9

-2,4%

Total das Exportações (milhões de USD)

4.725

5.196

4.715

3.632

Total das Importações (milhões de USD)

-5.223

-6.169

-6.793

-5.513

Índice de Preços no Consumidor (%)

5,6%

3,5%

3,5%(a)

8,0%

Saldo da Balança de Transacções Correntes (milhões de USD)

-2.586

-4.501

-3.040

-3.570

Taxa de câmbio (MZN: USD)

59,00

61,50

61,50(a)

56,53

Notas: (a) Valor actual; (b) Estimativa de EIU; (c) Previsão da EIU
Fonte: «Moçambique Country Report (May 2020)» of Economist Intelligence Unit (EIU)

Principais Destinos de Exportação e Importação

Principais destinos de exportação (2018)

Percentagem no total

África do Sul

18,9%

Índia

17,0%

China

6,9%

Itália

6,4%

Outros

50,8%

Principais origens de importação (2018)

Percentagem no total

África do Sul

27,9%

China

11,3%

Emirados Árabes Unidos

9,6%

Singapura

6,7%

Outros

44,5%

Fonte: International Trade Tower (ITC)

Principais Produtos de Exportação e Importação

Principais produtos de exportação (2018)

Percentagem no total

Combustível mineral, óleo mineral e produtos destilados; substâncias com asfalto; cera mineral

42,4%

Alumínio e produtos de alumínio

22,5%

Minério, escórias e cinzas

5,8%

Tabaco e seus sucedâneos manufaturados

4,9%

Outros

24,4%

Principais produtos de importação (2018)

Percentagem no total

Combustível mineral, óleo mineral e produtos destilados; substâncias com asfalto; cera mineral

20,6%

Reactores nucleares, caldeiras, máquinas e aparelhos mecânicos; e respectivos acessórios

12,9%

Automóveis e peças para automóveis (com excepção de material circulante ferroviário ou eléctrico)

7,8%

Cereais

6,4%

Outros

52,3%

Fonte: International Trade Tower (ITC)

Estatísticas do Comércio Bilateral entre o Interior da China e Moçambique (10 mil de USD)

Ano

Total de exportações e importações

Total das exportações*

Total das importações**

2019

266.973,4

195.769,6

71.203,7

2018

249.532,5

186.189,3

63.343,2

2017

183.423,4

130.674,2

52.749,2

2016

178.734

130.799,4

47.934,6

2015

239.283,2

194.022

45.261,3

Notas:* Total das exportações do Interior da China para Moçambique; ** Total das importações do Interior da China de Moçambique.
Fonte: Serviços de Alfândega da República Popular da China
Estatísticas do Comércio de Importação e Exportação entre Moçambique e a RAEM (USD) (1 USD» 8 MOP)

Ano

Total de exportações e importações

Total das exportações*

Total das importações**

2019

56.906

47.907

8.999

2018

209.095

13.866

195.229

2017

34.130

2016

9.188

9.188

2015

1.483

1.483

Notas:* Total das exportações de Macau para Moçambique; ** Total das importações de Macau de Moçambique.
Fonte: Direcção dos Serviços de Estatística e Censos da RAEM

Fontes: 

  • «Guia de Investimento e Cooperação Nacional (Regional) – Moçambique», Ministério do Comércio da RPC.
  • Serviços de Alfândega da República Popular da China
  • SinoMaps Press
  • Direcção dos Serviços de Estatística e Censos da RAEM  
  • Instituto Nacional de Estatística – Mozambique
  • International Trade Tower (ITC)
  • «Moçambique Country Report (May 2020)» of Economist Intelligence Unit
  • Doing Business Report 2020, Banco Mundial.

Actualizado em Maio de 2020.